Você está aqui: Página Inicial / Extensão / Notícias / 2018 / Projeto de extensão consolida IPA como referência da causa animal no âmbito universitário gaúcho

Projeto de extensão consolida IPA como referência da causa animal no âmbito universitário gaúcho

Projeto de extensão consolida IPA como referência da causa animal no âmbito universitário gaúcho

Desde que se iniciaram as atividades do Projeto de Extensão Direitos Animais, o Centro Universitário Metodista IPA assumiu um papel de vanguarda no cenário acadêmico gaúcho. Debater direitos animais, em fóruns abertos à comunidade não é algo comum.

A própria temática dos direitos animais é ainda questionada e objeto de muita incompreensão, mas o IPA não apenas acreditou no potencial do projeto, como incentivou novas ações. Ao término de quatro semestres de atividades o projeto Direitos Animais promoveu:

- 31 palestras e debates com diferentes temáticas ligadas à causa animal, sempre aos sábados de manhã, com convidados externos;
- Três grandes campanhas de arrecadação de ração e tampinhas plásticas para ajudar animais resgatados das ruas, além de arrecadações pontuais em cada palestra organizada, beneficiando diversas entidades protetoras;
- Quatro ADOTIPAS, evento de adoção de cães e gatos do IPA, todas autorizadas pelo CEUA da Instituição e pela Prefeitura de Porto Alegre.

Ao longo desses quatro semestres de atividades também foi realizada uma roda de conversa com os responsáveis pelo PROJETO VIRA-LATAS, implementado na Escola Municipal Saint Hilaire, durante a Semana da Juventude de Porto Alegre, em agosto de 2017 e uma Palestra sobre bem-estar animal e contação de histórias na Feira Agroecológica Quintanda, para crianças do Colégio Americano.

O projeto Direitos Animais se fez presente, representado pelo professor Rogério Rammê, coordenador do projeto, na Audiência Pública sobre Maus-tratos a Animais,ocorrida na Assembleia Legislativa do RS em outubro de 2017.

Além disso, o projeto Direitos Animais tem se destacado pela produtividade acadêmica: palestras, participações em salões de iniciação científica, de extensão, em seminários e congressos passaram a ser uma constante para os alunos envolvidos no projeto. Cinco Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) também foram realizados e aprovados por discentes do curso de Direito e outros três estão em andamento, com problemas de pesquisa na temática dos direitos animais.

"Mais de 600 pessoas, de dentro e fora da instituição, já participaram de alguma das atividades do projeto. Inúmeros animais foram beneficiados, direta ou indiretamente, com as atividades. Muitas mentes se abriram. Muito temas foram debatidos. Muita empatia surgiu e se fortaleceu. É com esse espírito, de respeito, solidariedade e absoluta empatia para com os animais não humanos que projetamos um 2019 repleto de ações comunitárias e acadêmicas, teóricas e práticas, capazes de, cada vez, mais promover a conscientização de que os animais sencientes são sujeitos de uma vida e merecem ter seus interesses básicos respeitados", diz Rammê.

Veja algumas fotos de atividades do projeto:

Direito dos Animais - 2018

registrado em: